Searching for "KUALA LUMPUR"

[MALÁSIA] ROTEIRO DE 1 DIA EM KUALA LUMPUR

by

A partir de agora os posts de viagem serão sobre a MALÁSIA.
Vamos começar falando de VISTO. A boa notícia é que você não precisa se preocupar com isso, pois brasileiro não precisa de visto para entrar no país.
A religião predominante é o islamismo, por isso é comum ver mulheres de burca nas ruas e acredito eu que devido a religião as pessoas são mais fechadas e reservadas.
Sinceramente, não me senti confortável no país. A maioria das pessoas me olhavam de um jeito muito estranho. Algumas vezes eu ficava até constrangida, pois quando eu passava elas se cutucavam para comentarem algo a meu respeito. #SuperEsquisito

Nossa primeira parada foi na capital, KUALA LUMPUR. Chegamos a noite e como o aeroporto fica cerca de 1h do centro, tivemos que pegar um trem e depois um táxi até chegarmos no hotel.
No dia seguinte, quando acordamos, fomos agir a vida, afinal a gente só tinha 1 dia para conhecer um pouco de Kuala Lumpur. Então, lá fomos nós, saímos do hotel por volta das 10h da manhã, passamos na Starbucks para tomar café e depois fomos andando direto para as “Petronas Twin Towers”.
Confira também HOSPEDAGEM NA MALÁSIA!
OBS:
Todos os valores nesse post estão na moeda local do país (Ringgit Malaio).
Preços:
Trem – 35 MYR (por pessoa)
Táxi – 17 MYR
Starbucks – 36.75 MYR

PETRONAS TWIN TOWERS
Quando chegamos perto das torres fiquei completamente chocada como elas são grandes. Eu ia virando a cabeça para cima, quase quebro o pescoço e não consigo ver tudo..hauh Brincadeira a parte, fiquei impressionada com a arquitetura e beleza das torres e arredores. E o mais legal é que tem uma indicação de quais são os melhores pontos para você tirar foto e aparecer a torre toda. 😉
Fizemos um pequeno book por lá na parte externa, compramos o ticket de visitação para as 16h e fomos em direção a próxima parada.

IMG_4165

BATU CAVES
Comprado os tickets para subir nas torres, pegamos um táxi direto para o BATU CAVES. A princípio tínhamos combinado com o taxista para nos esperar que voltaríamos com ele, mas ele nos deixou na pista…hauha Não se preocupe porque é muito fácil pegar táxi por lá e com o taxímetro ligado deu mais barato do que o primeiro taxista que tinha nos cobrado um preço fechado.

Tirando os 272 degraus que tive que subir, o lugar é bem legal. Na parte de cima existem cavernas consideradas sagradas para você visitar. Em uma das cavernas, é possível fazer um tour de 45 minutos com guia por dentro dela pagando 35 MYR por pessoa. Nós não fizemos, essa coisa de ficar totalmente no escuro apenas com uma lanterna na cabeça não é para mim. Para completar ainda tinham uns avisos dizendo que não podia colocar flash nos morcegos, ou seja, devia ser cheia de morcego…huaha #tofora
OBS: Se você estiver de roupa curta, como eu, terá que alugar um tecido para cobrir as pernas. O aluguel é feito logo no início da escadaria e custa 3 MYR sendo que após você devolver o tecido, eles te devolvem 2 MYR.
Na parte de baixo também existe outra caverna, que eu particularmente considero mais bonita. Ela fica no lado esquerdo de quem está olhando para a escadaria e a entrada custa 5 RYM por pessoa.
Preços:
Táxi de ida – 60 MYR (sem taxímetro)
Táxi de volta – 50 MYR (com taxímetro)

VISITAÇÃO PETRONAS TWIN TOWERS
O táxi do Batu Caves nos deixou novamente na Petronas Twin Towers. Antes de comprarmos os tickets para a visitação, confesso que estávamos um pouco na dúvida se subíamos ou não, mas digo que vale super a pena. O tour completo dura cerca de 45 minutos e faz 3 paradas em andares diferentes, sendo o mais alto deles o 86º. Considero a terceira parada a mais sem graça, mas as duas primeiras são muito legais, uma você conhece a passagem entre as torres e a outra parada é num espaço totalmente tecnológico. Sem falar que durante todo o tour é possível desfrutar de uma vista incrível em um ambiente moderno.
Preço:
Tickets – 84,80 MYR (por pessoa)

Das torres voltamos andando para o nosso hotel e foi só o tempo de pegar as malas que já estavam na recepção, entrar no táxi que já estava esperando pela gente (tínhamos reservado o táxi de manhã para nos buscar as 18h) e ir para o aeroporto que fica a cerca de 1h hora do hotel.
Não tivemos nem tempo de almoçar nesse dia, mas foi ótimo porque conseguimos fazer tudo o que planejamos.
Ahhh…vou aproveitar para deixar a dica de um restaurante muito gostosinho que tem no aeroporto de Kuala Lumpur, foi lá que tivemos o nosso almoço por volta das 20h…hauha
Preço: 
Táxi hotel para o aeroporto – 90 MYR

E aí, gostou?!?! Não esquece de deixar a sua marquinha por aqui! Vou adorar ler um comentário seu ou ver que você curtiu esse post. =)
MUITO OBRIGADA! ♥
Beijos,
Amanda

QUANTO CUSTA UMA VIAGEM PRA ÁSIA?

by

Hoje resolvi compactar em um único post o roteiro completo que fizemos pela ÁSIA (INDONÉSIA, MALÁSIA, FILIPINAS E JAPÃO). Vou aproveitar esse post também para responder a pergunta que mais recebo, QUANTO CUSTA UMA VIAGEM PRA ÁSIA?

ROTEIRO – Indonésia, Malásia, Filipinas e Japão

[avião] Voo direto de Brisbane (Austrália) para Denpasar (Indonésia)
[terra] 5 diárias em Bali (Indonésia)
[terra] 3 diárias em Gili (Indonésia)
……………………………………………………………………………………………………………………………………….
[avião] Voo direto de Denpasar (Indonésia) para Kuala Lumpur (Malásia)
[terra] 1 diária em Kuala Lumpur (Malásia)
[avião] Voo direto de Kuala Lumpur (Malásia) para Langkawi (Malásia)
[terra] 3 diárias em Langkawi (Malásia)
[avião] Voo de Langkawi (Malásia) para Kota Bharu (Malásia) com parada em Kuala Lumpur (Malásia) – nesse dia tivemos que dormir no chão do aeroporto de Kuala Lumpur
[terra] 2 diárias nas Ilhas Perhentian (Malásia)
[avião] Voo direto de Kota Bharu (Malásia) para Kuala Lumpur (Malásia)
[terra] 1 diária em Kuala Lumpur (Malásia) – apenas para dormir
……………………………………………………………………………………………………………………………………….
[avião] Voo direto de Kuala Lumpur (Malásia) para Kalibo (Filipinas)
[terra] 4 diárias em Boracay (Filipinas)
[avião] Voo direto de Kalibo (Filipinas) para Cebu (Filipinas)
[terra] 1 diária em Dumaguete (Filipinas)
[terra] 2 diárias em Oslob (Filipinas)
[avião] Voo direto de Cebu (Filipinas) para Puerto Princesa (Filipinas)
[terra] 5 diárias em El Nido (Filipinas)
[terra] 3 diárias em Coron (Filipinas)
[avião] Voo direto de Busuanga (Filipinas) para Manila (Filipinas) – Nós não visitamos Manila, passamos apenas pelo aeroporto para pegar o voo para o Japão
[avião] Voo direto de Manila (Filipinas) para Osaka (Japão)
………………………………………………………………………………………………………………………………………..
[terra] 1 diária em Osaka (Japão) – apenas para domrir, na manhã seguinte visitamos Kyoto
[terra] 2 diárias em Tokyo (Japão)
[avião] Voo de Tokyo (Japão) para  Brisbane (Austrália) com parada em Cairns (Austrália)

OBS: Tudo ocorreu tranquilamente na nossa viagem e os nossos voos tiveram atraso de no máximo 1h.

QUANTO CUSTA?
Juntei todos os valores que gastamos para que vocês possam ter uma ideia de quanto seria uma viagem de um casal pela ÁSIA durante 1 mês.
É claro que a sua viagem pode ficar mais cara ou mais barata de acordo com os hotéis, passeios e restaurantes que você escolher, mas nada melhor do que começar um planejamento já tendo uma noção de quanto vai gastar, não é mesmo?!?!
OBS: Todos os valores estão em dólar australiano!

Caso você queira saber todos os detalhes sobre essa viagem, vou deixar os links aqui embaixo. Neles eu conto tudo o que fizemos, o que achamos, os preços de cada passeio ou restaurante específico, etc. Vale a pena conferir, tem muita coisa legal. =))

INDONÉSIA
1º DIA EM BALI: Visto, Motorista e Templo Uluwatu
2º DIA EM BALI: Nusa Dua, Padang Padang, Blue Point, Dreamland e Jimbaran
3º DIA EM BALI: Balangan, Pandawa, Geger, Kuta e Potato Head
4º DIA EM BALI: Bali Zoo, Floresta dos Macacos, Plantação de Arroz, Royal Palace, Cafe Lotus e Fish Spa
5º DIA: Lembongan Island e Ku De Ta
GILI TRAWANGAN – O QUE FAZER NESSE PARAÍSO? =))
HOSPEDAGEM NA INDONÉSIA

MALÁSIA
ROTEIRO DE 1 DIA EM KUALA LUMPUR
ROTEIRO DE 3 DIAS EM LANGKAWI
ROTEIRO DE 2 DIAS NAS ILHAS PERHENTIAN
HOSPEDAGEM NA MALÁSIA

FILIPINAS
4 DIAS EM BORACAY – UMA ILHA NAS FILIPINAS
ONDE COMER EM BORACAY?
NADANDO COM AS TARTARUGAS EM APO ISLAND
O QUE FAZER EM CEBU? WHALE SHARK, TUMALOG FALLS E SUMILON ISLAND
EL NIDO – O PARAÍSO IMPERDÍVEL!! (PARTE 1)
EL NIDO – O PARAÍSO IMPERDÍVEL! (PARTE 2)
CORON – COMO CHEGAR? O QUE FAZER? (PARTE 1)
CORON – O QUE FAZER? ONDE COMER? (PARTE 2)
HOSPEDAGEM NAS FILIPINAS

JAPÃO
O QUE FAZER EM KYOTO?
O QUE FAZER EM TOKYO?
HOSPEDAGEM NO JAPÃO

Não deixe de assistir esse VÍDEO abaixo onde eu dou algumas DICAS PARA QUEM VAI VIAJAR PRA ÁSIA! Me adianto e peço desculpas pelo áudio que não está muito bom. Aconselho que você assista no volume máximo e com um fone.

Caso ainda tenha alguma dúvida sobre essa viagem é só mandar um e-mail para CONTATO@PORONDEFOR.COM.BR 😉

E aí, gostou?!?! Não esquece de deixar a sua marquinha por aqui! Vou adorar ler um comentário seu ou ver que você curtiu esse post. =)
MUITO OBRIGADA! ♥
Beijos,
Amanda

[MALÁSIA] ROTEIRO DE 2 DIAS NAS ILHAS PERHENTIAN

by

Está em busca de total sossego? Com certeza você encontrará nas ILHAS PERHENTIAN! Porém, tenha sempre em mente que uma ilha que oferece sossego, pode oferecer também o tédio dependendo do tempo de hospedagem.
As Ilhas Perhentian não oferecem muitas atividades além de mergulho e snorkeling. Além disso, ela é toda recortada e caso você queira ir de uma praia para outra, na maioria das vezes, precisa pegar um barco táxi. Ou seja, a minha dica é que você escolha bem a praia que irá se hospedar, pois sua estadia por lá irá praticamente se resumir a essa praia caso você não queira gastar muito dinheiro com barco táxi.
Não deixe de conferir os outros posts sobre a MALÁSIA:
ROTEIRO DE 1 DIA EM KUALA LUMPUR
ROTEIRO DE 3 DIAS EM LANGKAWI
HOSPEDAGEM NA MALÁSIA

Bom, vou contar um pouquinho da nossa experiência nas ILHAS PERHENTIAN. Nós ficamos no “THE BARAT” (na foto com os preços do barco táxi você conseguirá se localizar melhor) e a nossa chegada já começou um tanto quanto inusitada, o barco nos deixou em uma plataforma de madeira com uma plaquinha “The Barat” e disse que alguém iria nos buscar. Pensei logo, que furada é essa que eu me meti? hauha. Por sorte não demorou muito e um outro barco nos pegou e levou até a areia.
OBS: Não vá de calça jeans ou sapato fechado caso você se hospede no The Barat, pois é praticamente impossível descer do barco sem molhar nada..hauha
Para falar a verdade me senti meio presa na ilha. Não existia uma rua principal com restaurante ou lojinha, nem sabonete eu consegui comprar  nessa ilha. Todas as refeições a gente acabava fazendo no nosso hotel por falta de opção.
O fato é que apesar da ilha ter praias belíssimas, acho muito ruim essa sensação de total isolamento e falta de opção.
Vou deixar aqui uma média dos preços das refeições no nosso hotel:
Café da manhã – 30 MYR
Almoço – 60 MYR
Jantar – 120 MYR

COMO CHEGAR?
Descemos no aeroporto de Kota Bharu e lá mesmo fechamos táxi e barco para a ilha. O táxi dividimos com mais um casal que estava na fila e demora cerca de 2h para chegar até o porto. Depois pegamos um barco, aí é só avisar o nome do seu hotel que o barco vai fazendo várias paradas e a viagem demora menos de 1h.
OBS: Minha dica é que você sente na parte de trás do barco, pois dependendo da maré a parte da frente bate no mar de forma bem brusca.
Preços (estão na moeda local do país – Ringgit malaio)
Táxi do aeroporto para o porto + barco de ida e volta para ilha – 176 MYR (para duas pessoas)
Van do porto para o aeroporto – 50 MYR (para duas pessoas)

Eu só indico a ilha nas seguintes condições:
1. Época sem chuva;
2. Para quem gosta de mergulho e snorkeling;
3. Para quem ama passar o dia todo na praia;
4. Para quem não tem budget de viagem limitado e pode gastar com barco táxi sem preocupação;
5. Para quem pode se hospedar em um hotel com uma boa infra-estrutura.

Os valores na tabela abaixo são partindo do Turtle Point.

TURTLE POINT
Nós estávamos hospedados no “The Barat” e de lá para a Turtle Point existia um caminho bem fácil por uma escada. A vista do alto da escada é incrível e a praia é super aconchegante. Na Turtle Point tem um hotel bem de frente para a praia com algumas cadeiras. Apesar de não estarmos hospedados nesse hotel, sentamos nas cadeiras e ninguém falou nada. 😉

TURTLE BEACH
Me apaixonei seriamente por essa praia. Mata fechada atrás, areia branquinha e mar cristalino. E o melhor de tudo, estava praticamente vazia. Sem dúvidas, Turtle Beach é o sinônimo de paraíso. =))

LONG BEACH
É uma das praias mais movimentadas por lá e com uma melhor estrutura. Até tem uma certa variedade de restaurantes, mas para falar a verdade, nenhum me agradou muito para indicar aqui.
OBS: Essas barracas e cadeiras que estão nas fotos só podem ser usadas caso você esteja hospedado na pousada deles. 🙁

CORAL BEACH
Da Long Beach fomos andando para a Coral Beach. Se você não tiver a intenção de fazer mergulho ou snorkelling, nem perca seu tempo de caminhada…hauha. Achei a praia horrível!


Essa lagartixa gigante é um bicho muito característico da ilha, fiquem atentos!

E aí, gostou?!?! Não esquece de deixar a sua marquinha por aqui! Vou adorar ler um comentário seu ou ver que você curtiu esse post. =)
MUITO OBRIGADA! ♥
Beijos,
Amanda

1 2